Deficiência de Vitamina B12: mais comum do que você imagina

Uso de medicações para Refluxo e Diabetes, além do Hipotireoidismo e da Cirurgia Bariátrica podem estar relacionados à deficiência da vitamina B12. Saiba mais neste artigo completo.

 A Vitamina B12 é importante para diversos processos do organismo. O uso crescente de medicações para Refluxo e Diabetes, além de algumas condições clínicas frequentes como o Hipotireoidismo e a Cirurgia Bariátrica vem aumentando cada vez mais o surgimento de novos casos de deficiência de Vitamina b12. Saiba quais são os sintomas e como é feito o diagnóstico.

Para que serve a vitamina B12?

            A vitamina B12 (cobalamina) é necessária para produção das células sanguineas (glóbulos brancos, vermelhos e plaquetas), para regeneração dos nervos e neurônios e fortalecimento dos fios de cabelo e unhas. Além disso, é importante para quem planeja ou já está gestando.

Quais são os sintomas da falta da vitamina B12?

            Geralmente a deficiência desta vitamina causa poucos sintomas, ou estes são pouco perceptíveis.

  • Anemia
  • Falta de memória
  • Queda de cabelos
  • Unhas quebradiças
  • Sintomas de demência (geralmente em idosos)
  • Formigamentos em pés e mãos

Onde encontramos a vitamina B12 na natureza?

            Ela está presente nos alimentos de origem animal como carne e ovos. Alguns produtos como cereais matinais recebem suplementação de B12. Pessoas que possuem uma dieta balanceada ingerem quantidades suficientes de vitamina B12.


Quem tem mais risco de desenvolver deficiência da vitamina B12?

            A principal fonte da vitamina b12 é a alimentação. Pessoas que consomem pouca carne e ovos ou possuem alguma deficiência de absorção têm risco aumentado.


PRINCIPAIS CONDIÇÕES QUE PODEM PROVOCAR FALTA DE VITAMINA B12:

Vegetarianismo estrito

            Pessoas que não consomem carne podem desenvolver a anemia. No entanto, vegetarianos que ingerem ovos de galinha regularmente dificilmente vão desenvolver a falta da vitamina b12.

Hipotireoidismo: 

            O mecanismo específico ainda não é bem conhecido. Acredita-se que o motivo seja a presença de anticorpos (anti-tireoperoxidase ou anti-TPO). No entanto, em paciente cujos anticorpos não estão presentes uma prevalência de até 40% de caso de deficiência de vitamina B12. 


Cirurgia Bariátrica

            Durante a cirurgia bariátrica (By-pass em Y de roux e Sleeve), uma parte estômago é grampeada (isolada). Nesta região, é produzida uma substância fundamental para absorção da vitamina B12. Logo, todas as pessoas que se submeteram a estes procedimentos devem fazer reposição de vitamina B12, preferencialmente através da formulação intra-muscular.

Vale lembrar que os estoques da vitamina duram até 1 ano e meio, por isso a deficiência não “aparece” nos primeiros anos após a cirurgia.


Usuários de Metformina (medicação para Diabetes):

      A deficiência de vitamina B12 em pessoas que utilizam metformina pode ocorrer em até 10% dos casos e pode manifestar-se em menos de 3 meses de uso da medicação. O monitoramento dos níveis de B12 deve ser realizado pelo menos uma vez ao ano.

Outras condições associadas:

  • Usuários de medicações para refluxo/piorose (os -prazóis)
  • Gastrite (especialmente na presença de H.Pylori)
  • Doença Celíaca não tratada ou doença inflamatória intestinal

Como é feito o diagnóstico da deficiência da vitamina B12?

            É feito através da dosagem da vitamina no sangue. Os valores dependem de cada laboratório. Na presença de sintomas sugestivos, o tratamento pode ser indicado mesmo em valores limítrofes.

Em geral, valores acima de 300 pg/mL são considerados normais. O excesso de vitamina B12 praticamente não tem relevância clínica e isoladamente não prejudica a saúde.


Como é feito o tratamento da deficiência de Vitamina B12?

            O Tratamento é feito através da reposição da vitamina por via oral (dose diária ou 2-3x por semana) ou intra-muscular (dose mensal ou a cada dois meses). A preparação por via intra-muscular apresenta custo cerca de 10 vezes menor (cerca de 3 reais por mês).

ATENÇÃO:A reposição deve ser realizada somente após orientação e prescrição do seu médico.